Médico do SUS é condenado à prisão por cobrar de pacientes

Em 2008 o médico Fernando José Mendes Slovinski foi denunciado por cobrar de pacientes do SUS por 9 exames, tratamentos e cirurgias, durante o período de 2004 a 2008. Na época, o médico era diretor do Departamento de Radiologia do hospital público Celso Ramos, em Santa Catarina. No início de 2009 o médico já estava afastado do cargo, e em abril de 2010 foi condenado a mais de 14 anos de prisão pelo crime de concussão, que no Direito é como se chama quando um funcionário público obtém (ou tenta obter) vantagens indevidas usando para isso de sua função. Além de cumprir pena em regime fechado (nos primeiros anos), ele ainda terá que devolver o dinheiro cobrado e pagar uma multa. Também perdeu o cargo, e enfrenta um outro processo, por improbidade administrativa. (Fonte: Diário Catarinense, através do professor Alexandre Pereira.)

O Ministério Público de Santa Catarina está de parabéns pela atuação, e espero que mais casos como esse sejam revelados e punidos. Só lamento que a denúncia tenha sido motivada por uma reportagem da televisão, que gravou o médico no ato. As outras 8 denúncias pelas quais Fernando José Mendes Slovinski foi condenado apareceram apenas depois da iniciativa da televisão catarinense. Nada contra o jornalismo investigativo, mas eu gostaria de que ele fosse menos necessário.

Uma ideia sobre “Médico do SUS é condenado à prisão por cobrar de pacientes

  1. Dr napoleao bonaparte

    vejo com grande rancor notícias como esta do médico que cobrava “um extra” para fazer os exames pelo SUS, mas será que alguém se preocupa com o quanto ele recebe do sus pelo procedimento???
    por exemplo, um consulta especializda pelo SUS é paga R$ 10,00, destes, 27,5% sao impostos, sobraram R$ 7,25……….para atender 2 ou 3 paciente por hora, nao é fácil, assim ganharei cerca de 22 reais por hora, sem nenhnum encargo social, décimo terceiro,etc. Ou seja, meu trabalho pelo sus é tao bem remunerado quanto a de um operario dacontrucao civil. porrtanto este é o perfil de médico que estao difamando, assim imagin que junguem acertada a decisim

    Responder

Deixe uma resposta