Como usar adesivos de nicotina para parar de fumar

Muitas pessoas conseguem abandonar o tabagismo seguindo as dicas que reuni no artigo Como parar de fumar. Outras precisam de alguma ajuda. Como nem todo o mundo encontra com facilidade profissionais de saúde que saibam ajudar as pessoas a parar de fumar, trago aqui mais uma dica de como parar de fumar sem ajuda profissional.

A terapia de reposição de nicotina é o uso de medicamentos com nicotina para ajudar a pessoa na transição de fumante para não fumante. Esses medicamentos podem ser comprados sem receita médica. Existem basicamente dois tipos: adesivos e gomas.

Os adesivos de nicotina têm uma ação prolongada, que ajuda a pessoa a sentir menos falta do cigarro. Já as gomas de nicotina precisam ser usadas a cada poucas horas, de forma que a pessoa tem mais trabalho, mas pode ajustar a frequência de uso de acordo com o que está sentindo. As gomas de nicotina são bem mais duras que as gomas de mascar comuns. Por isso, a pessoa precisa ter os dentes bem firmes e saudáveis para poder usar gomas de nicotina.

“Terapia de reposição de nicotina” é uma expressão bem técnica, então daqui em diante vou falar em “adesivos de nicotina”. A não ser que eu avise, tudo vale também para gomas de nicotina.

Os adesivos de nicotina são úteis principalmente para quem tem muita dependência “química” de nicotina. O melhor sinal disso é a pessoa ter tentado parar de fumar, mas ter voltado a fumar em menos de 7 dias por causa de nervosismo e outros sintomas da síndrome de abstinência. Em geral, a pessoa com muita dependência “química” também costuma precisar fumar o primeiro cigarro logo que acorda, e costuma fumar mais de um maço de cigarro por dia.

Por outro lado, existem outras manifestações de dependência “psicológica”, que não indicam tanto a utilidade de adesivos de nicotina. Alguns exemplos são fumar quando se está nervoso por outro motivo, ou enxergar no cigarro um companheiro. Depois de alguns anos fumando, o hábito se torna um motivo importante para a pessoa continuar fumando. Isso faz a pessoa sentir falta do cigarro para ocupar o tempo, ou simplesmente para ter algo no que mexer. Isso também não indica necessidade de adesivos de nicotina.

No fundo, tudo isso são faces diferentes da dependência de nicotina. Como a pessoa pode tentar parar de fumar quantas vezes quiser, eu costumo recomendar aos meus pacientes que tentem primeiro parar de fumar sem qualquer remédio, e que usem o adesivo de nicotina como uma segunda opção. Naturalmente, isso depende das preferências da pessoa.

Quando a pessoa decide usar adesivos de nicotina, ela deve começar a usá-los assim que parar de fumar. Se a pessoa decidir que no dia seguinte não irá mais fumar, deve colocar o adesivo logo que acordar naquele dia, ou então logo antes de deitar-se para dormir na noite anterior. Ou seja, a pessoa já deve ter consigo o adesivo de nicotina antes de parar de fumar.

Os adesivos de nicotina são ainda mais caros do que os cigarros. Ou seja, valem a pena, mas não são baratos. Já tive pacientes que decidiram só parar de fumar depois do próximo pagamento.

A dose dos adesivos de nicotina (e a frequência, no caso das gomas) depende de quantos cigarros a pessoa fuma por dia. No caso dos adesivos de nicotina, a maioria das pessoas começa com adesivos de 21mg, que é a dose recomendada para quem fuma mais de 20 cigarros por dia. Quem fuma 10 a 20 cigarros por dia costuma começar com os adesivos de 14mg.

A dose (e/ou frequência) é diminuída uma vez por mês. No caso dos adesivos de nicotina, isso significa usar adesivos de 21mg por um mês, seguidos de adesivos de 14mg por mais um mês, e então adesivos de 7mg por um mês. Depois disso a pessoa para de usar o adesivo.

Essa diminuição gradual, uma vez por mês, é aquela que está escrita na bula, e é aquela recomendada pelo INCA. Mas existem algumas variações, que parecem funcionar mais ou menos tão bem quanto. Uma das minhas favoritas é aquela em que a dose é diminuída a cada semana, em vez de a cada mês. Esse tratamento parece funcionar tão bem quanto tratamentos mais longos, e é quatro vezes mais barato que o comum.

No caso específico dos adesivos de nicotina, algumas pessoas tentam economizar dinheiro recortando adesivos de 21mg para criar adesivos de 14mg ou 7mg. O problema disso é que a borda onde o adesivo foi cortado vai liberar a nicotina mais rápido do que devido. Em tese, isso diminui a eficácia do adesivo. Se você realmente precisa lançar mão de algo assim para poder pagar pelo adesivo, sugiro experimentar o tratamento mais curto: ele, pelo menos, já foi estudado.

Os adesivos de nicotina (e as gomas também) funcionam parcelando a dificuldade da pessoa de parar de fumar. Ou seja, a pessoa sente a falta do cigarro por mais tempo, mas com menos intensidade, de forma que consegue aguentar.

Isso significa que nenhum remédio “faz a pessoa parar de fumar”. É a própria pessoa quem para de fumar. Por isso, mesmo que a pessoa decida usar adesivos de nicotina, ou outro tipo de remédio, ela deve seguir as orientações sobre como parar de fumar, e evitar a recaída.

29 ideias sobre “Como usar adesivos de nicotina para parar de fumar

    1. Leonardo Fontenelle Autor do post

      Depende de o que você chama de eficácia. Existem inúmeros estudos comprovando que usar adesivo aumenta as chances de a pessoa conseguir parar de fumar, mas nenhum recurso pode lhe garantir que você vai conseguir parar de fumar.

      Responder
    1. Leonardo Fontenelle Autor do post

      Tainá, geralmente as pessoas que propõem isso sabem que precisam parar de fumar mas preferem deixar de fumar em outro momento. Se você realmente quiser parar de fumar logo, sugiro que leia meu artigo intitulado Como parar de fumar. Respondendo mais objetivamente à sua pergunta, os adesivos de nicotina foram feitos para substituir temporariamente os cigarros, por isso devem ser iniciados quando a pessoa para de fumar.

      Responder
    1. Leonardo Fontenelle Autor do post

      Não tenho como saber de qual comprimido você está falando… De qualquer forma, você pode ler a bula do medicamento, em papel ou no Bulário Eletrônico. Você também pode tirar suas dúvidas com o farmacêutico (não balconista) da farmácia onde você obteve o medicamento, ou com o médico que lhe prescreveu o medicamento.

      Responder
  1. Sergio Gomes

    Fumei durante 45 anos em media 01 maço/dia. Usei o adesivo de 21mg durante 02 semanas e parei. Estou com 164 dias sem fumar. Ainda da vontade de fumar mas não é mais AQUELA vontade. Aos poucos vai ficando na lembrança. Mas é preciso ser determinado, senão não consegue.

    Responder
  2. Luciana Ap.

    Dr. Eu tenho doença pulmonar obstrutiva, tenho 45 anos e fumava 1 maço por dia, hj faço uso da bombinha Relvar, e meu médico disse q se cintinuar fumando talvez não chegue aos 50 anos. Ele esta me ajudando a me livrar o vício, ele me passou o BUP 150 mg, q tomei por um mês, diminui em 50% o cigarro, mas ainda não consegui parar de vez, agora ele me passou Niquitin 7 mg, estou com muita esperança em conseguir.

    Responder
  3. Alana

    Dr . Tenho um questionamento. A bula dos adesivos informações.a q existe 78 mg de nicotina e que em 24 h o adesivo libera 14mg.
    Dá a entender que se a pessoa continuar com o mesmo adesivo ele pode ter mais 14 mg no outro dia …ou mais até eliminar por completo os 78mg descrito anteriormente

    Responder
    1. Leonardo Fontenelle Autor do post

      Os adesivos são trocados diariamente. Já ouvi falar de marcas cujos adesivos devem ser deixados apenas por seis horas, mas a aplicação ainda é diária; de qualquer forma, nunca encontrei esses adesivos no Brasil. Os que encontrei à venda devem ser deixados por 24 horas para liberar a dose toda.

      Responder
        1. Leonardo Fontenelle Autor do post

          Nenhum site vai poder lhe fornecer informações profissionais aplicáveis especificamente a seu caso. Se você está preocupada com o assunto, deve discuti-lo com seu médico.

          Além disso, cuidado com “sites de saúde e comportamento” cujas matérias não são assinadas por profissionais que entendam do que estão falando…

          Responder
  4. eber dias magalhaes

    ola estou 8 semanas usando niquitin,na ultima semana eu to sentindo minhas vista ficarem tuvas,embaçadas muito ruin que devo fazer ?

    Responder
    1. Tania Miranda

      Como não houve resposta ao seu questionamento…gostaria de saber se sua visão voltou ao normal….isso porque vou começar a usar e tenho dúvidas quanto às reações que podem causar

      Responder
  5. Reny Firmino

    Ouvi dizer que adesivos PAR para de fumar descontrola a Pressão Arterial, fiquei com medo e nem abri a caixa pois mina pressão tem dias que é normal mas as vezes é alta tipo: 17×14. Isso é verdade ou mito???

    Responder
    1. Leonardo Fontenelle Autor do post

      Reny, não conheço essa marca de adesivo. Esta resposta presume que se trate de adesivo de nicotina. Fumar aumenta a pressão arterial durante meia hora, e depois a pressão volta aos mesmos níveis que a pessoa teria se não fumasse. No caso do adesivo, o efeito é diluído ao longo de 24 horas. Muito mais seguro do que fumar! Pense só nisso: gestantes e pessoas que tiveram infarto usam adesivo de nicotina se isso fizer a diferença para parar de fumar.

      Responder
  6. Pingback: Viciado em gomas de nicotina | Doutor Leonardo

Deixe uma resposta